Goiânia, Sexta-feira, 20 de abril de 2018
11025744 Visitas
Notícias UGOPOCI

08/02/2018 - Operação Panóptico

A Polícia Civil prendeu 50 pessoas nesta quinta-feira (8) durante operação para desarticular uma facção criminosa que comandava, de dentro do presídio local, tráfico de drogas e delitos contra o patrimônio em Goiatuba. A organização tinha estrutura bem definida e possuía até advogado. De acordo com a corporação, é a primeira vez que a corporação prende mulheres membros de organizações do tipo.

Dos alvos da operação, 32 já estavam no presídio da cidade. Dez documentos foram apreendidos. "Recolhemos documentos que comprovassem, além da existência da organização criminosa, prova de que essas pessoas integravam essa facção", disse o delegado Patrick Carniel.

As investigações começaram há um ano. A polícia disse que a facção se caracterizava pela divisão de tarefas. Entre as funções, havia a de acondicionamento e vigilância de drogas e armas; atividades de tesouraria; e cadastro de novos membros. Mulheres tinham cargos de comando.

A polícia informou que a facção faz parte de uma organização que age em todo o estado e tem abrangência nacional. A operação, que recebeu o nome de “Panóptico”, ocorre simultaneamente e, Pontalina, Morrinhos, Caldas Novas e Dourados (Mato Grosso do Sul).

Os presos responderão pelo crime de organização criminosa. A pena varia de três a oito anos. Também foram instaurados Inquéritos Policiais para a apuração dos crimes praticados pela organização, informou a Polícia Civil. Eles ficarão no presídio de Goiatuba, à disposição da Justiça.

Fonte: G1 Goiás